Balbucio

01:23

Me apaguei no verso
Com todas as minhas mãos
E os pés imundos sujavam
Os lábios tolos da moça
Que falavam como uma porta giratória

Não havia um sequer
Que quisesse ouvir
E mesmo se quisesse, não faria
Não pelo que fosse dito ou feito
Mas por aquilo que parecia ser
- E, talvez, fosse.

0 comentário(s)

Mezzo jornalista, mezzo poeta. Minha vida é um (des)equilíbrio entre Beyoncé, Big Brother Brasil, Damien Rice, Maria Rita, feminismo, Leminski, Alan Moore e George Orwell. Isabella Mariano, 25 anos, Vitória, Espírito Santo.