carta

feridas sinceras II

12:29

Querido Lúcio,

Primeiro de tudo, eu não te pago a toa. Penso que você gastou (ou perdeu) anos da sua vida se dedicando ao estudo da mente do ser humano. E é exatamente por isso que me consulto com você desde os 15. Você, mais do que ninguém, deveria me entender, decifrar minhas atitudes e entrelinhas. Somos todos personificações de poesias e de sentimentos. Foi você quem me disse isso, tá lembrado? Olha, acordei meio ofensiva, mas isso já me cansou. Esse seu bilhete não foi nada agradável. Não vejo paz nenhuma em alguém que não consegue dizer verdades pessoais me olhando nos olhos. Nos vemos segunda.

Ass.: Sua paciente

carta

feridas sinceras

12:20

Dandara,

Você afirma, com tanta certeza, que o meu dizer é falso que queria saber de onde suas certezas vêm. Aliás, queria saber como sabe disso tão certa de si. Porque não consigo entender que depois de alguns dias no inverno, você mude, mude todas as suas verdades e todas as suas mentiras. Deixe ser. Você inventa verdades só para contestar o mundo, só para se convencer de que vive uma mentira. Eu te aconselho a ser mais espontânea, que seus juízos de valor sejam aplicados à você e só, que as suas verdades possam te julgar somente. Aí você vai abrir espaço para a paz te encontrar. E eu digo isso com toda essa certeza, porque ela me encontrou.

Ass.: Seu psicólogo

diálogo

Prévia sem-graça de uma revolução

00:56

- Vamos cometer alguns crimes, nessa noite, Jack.
- Tentar conquistar o mundo?
- Não. We will try to save the world. Em outra língua pra ninguém descobrir.
- O que você tem pensado, Booter?
- Me chame pela inicial, J.
- Ok, B. Qual o plano A?
- Matar o presidente da república.
- O quê?? Pirou? Essa brincadeira tá indo longe, anos-luz daqui.
- No jokes now, J. Uma metralhadora resolve tudo.
- Não!! Plano B, agora..
- Kill the primeiro ministro
- O QUÊ? Nem sei qual o nome dele, fala sério
- É, realmente... Não é culpa dele a fome no mundo
- Passa pro plano C.
- Yes. Aniquilar o presidente do senado.
- Bem, aniquilar não é tão drástico assim, né?
- É o mesmo que matar ¬¬
- Ahhh! Então, não. Para com isso, você está me assustando.
- Tá, tenho mais um plano.
- MAIS?
- Caaalma. Plano D é matar todo mundo.
- É... Mesmo com morte essa é a ideia mais sensata e cômoda. Sem pessoas = sem crimes = paz. Ufa!
- Então, vamos?!
- Nãoooo. Agora que me toquei, matar todos inclui nós dois. Não aceito.
- Ahhhh assim não dá pra fazer nada pra melhorar o planeta
- Acho melhor continuar lendo meu jornal.
- Ok, deixa pro dia 7 de setembro que voltamos a planejar.
- Tá bom, Booter. Você tem até a letra Z, depois disso esgotarão-se nossas esperanças.
- Isso, Jack. You're a genious!

Deus

Pensamentos avulsos - Deus

13:25

Ah, que me desculpem os religiosos preconceituosos. Não estou com o capeta só porque faço diferente de vocês. O que, na verdade, é estranho se somos todos seguidores de Cristo. Eu só estou seguindo as Suas pegadas. Indo onde todos tem medo de ir, não para ficar exortando, mas para amar, que é a manifestação de Deus nos homens. Só porque não ligo para aparência e sim pro coração. Só porque abraço um mendigo, sorrio pro travesti, converso com o hippie mochileiro. Ah, só porque valorizo a arte, o pensar, as capacidades humanas, não significa que eu não viva com bases na minha fé. Só porque tatuagens, poesias, músicas e piercings para mim são permitidos é que vou arder no inferno? Que sejamos poupados disso. Se eu fosse homofóbica, corrupta, preconceituosa, serial-killer, porca capitalista, sei lá essas coisas ruins do mundo, aí eu até entendia. Mas só porque eu pinto minhas unhas diferentes, uso uma calça que vai até o busto, pinto as madeixas, uso tênis, vou ao teatro, danço na rua, grito e pinto paredes, ah só por isso estou excluída da sua listinha VIP da festa no céu? Ah, nãããão. Sei bem o que está escrito na bíblia. É um romance sobre o amor de Deus por uma humanidade que o traiu, mas que Ele a perdôou e ainda perdoa. Entende? ah.. Não vivo de teologia, nem de religião, vivo de Cristo! Ir a uma igreja não é ser religioso, é querer estar em comunhão, onde, teoricamente, você pode adorar a Deus livremente, num lugar maravilhoso, de paz e de amor. E quer saber? É assim mesmo que eu vivo. Podem me chamar de herege, no mundo gospel, podem me chamar de louca que desperdiça a vida, mundo secular. Eu vivo do jeito que Jesus me ensinou. E Ele é o cara.

poema

Esquece, todo mundo enlouquece

00:13

Uma convulção de gritos
Um oceano de lágrimas
Um terremoto de risos
O exagero cria a graça
A poesia, a paixão e o artista
Que ri, chora, ama e grita
Tudo ao mesmo tempo,
Sem querer saber o fim
Nem de onde começou
Pulsivo, impulsivo
É quem quer ser assim
Que contradiz, que sobrediz
Que neologia - é verbo.
Não se escandalize, porque...
Esquece, todo mundo enloquece.

nota

Blergh!

21:41

Terrível noite, obscuridão. Que me consumiu, engoliu e me pintou o rosto com suas cores. Agora não consigo sorrir um riso alegre e dizer palavras de carinho sinceras. Estou morrendo. E quem me mata é a angústia que o medo me traz. Medo de viver, viver, viver e morrer só. Sem que ninguém sinta saudade, com palavras de pena, nada sincero, tudo forçado. Estou perdendo as forças. Caminhando a passos vagarosos, quase parando, ficando em qualquer canto que me receba. Sensação péssima de exclusão, de desprezo. Que venha o simbolismo com sua transcendência. Que eu morra para poder crescer espiritualmente. Que eu me deixe evaporar assim, dolorosamente. Tortura, para que, sim, após isso, eu possa compreender mais o outro do que eu mesma. Que eu possa amar mais o outro que a mim mesma e que eu possa me alegrar com as conquistas alheias, quando as minhas são insuficientes. É... é isso! Porque a literatura é o melhor desabafo.

prosa

las brujas se han ido

12:16

é, como costumam dizer repetidamente, o Sol sempre surge alguma hora. para nos dar esperança de qualquer coisa que a chuva forte tenha levado. o Sol símbolo de renovo, símbolo de alegria, de mudança, de festa, de novas oportunidades. O SOL... que nos permitiu ver claramente que está tudo destruído. as bruxas deixaram marcas. Deus nos proteja de toda nova ameça de chuva.



Chuva dá trégua e cenário é de destruição após temporal na Grande Vitória

01/11/2009 - 10h08 (eu aqui - gazeta online)

O sol resolveu aparecer (de leve) na Grande Vitória na manhã deste domingo (1), sobretudo na capital e em Vila Velha, onde desde cedo muitos moradores que tiveram as casas invadidas pela água limpam o barro que restou.

A chuva deu uma trégua. O sol mostra a cara. As ruas voltam a aparecer.
O cenário é de destruição.

Confira as imagens enviadas por internautas após o temporal deste sábado (31). Se a sua rua também está nessas condições, fotografe e envie para o gazeta online. [ clique aqui para enviar ]

foto: enviado por Hector Siqueira - eu aqui
Árvores derrubadas e rede elétrica danificada após temporal deste sábado em Vitória. Rua Constante Sodré, Santa Lúcia.
Galeria de Fotos

Mezzo jornalista, mezzo poeta. Minha vida é um (des)equilíbrio entre Beyoncé, Big Brother Brasil, Damien Rice, Maria Rita, feminismo, Leminski, Alan Moore e George Orwell. Isabella Mariano, 25 anos, Vitória, Espírito Santo.