15:33

acho que eu não sabia mais o que era isso. essa coisa que toma a gente de assalto e a gente chama de paixão. foi tipo um tropeço. um acidente, foi sem querer. ele me viu, me chamou, me quis, quando dei por mim... eu era quem o chamava, quem o queria. e não sei de onde vem tanto medo. é como se eu estivesse passando por isso pela primeira vez na minha vida. e a cabeça doi de pensar que ele não quer mais me ver. depois fico com raiva de mim por essa insegurança. logo eu? logo eu...

0 comentário(s)

Mezzo jornalista, mezzo poeta. Minha vida é um (des)equilíbrio entre Beyoncé, Big Brother Brasil, Damien Rice, Maria Rita, feminismo, Leminski, Alan Moore e George Orwell. Isabella Mariano, 25 anos, Vitória, Espírito Santo.