Sina

15:47

Entre tantos montes do mundo
Tenho procurado por aquele que me espera
Entre tantos mares nos oceanos profundos
Resta-me somente aquele que me alegra
Ninguém é capaz desse então magnetismo
Inebriante como o doce cheiro do jardim
Dentro de outra e de outra, um abismo
Ai, meu Deus, que belo Jasmim!
Dante, talvez me entenderia,
Em Ti, apenas, encontro a minha sina.

1 comentário(s)

Isabella Mariano

Blog com conteúdo autoral da escritora Isabella Mariano.

Conheça meus livros!

Saiba mais clicando aqui.