11:15

Eu que sempre quis ser nada, enfim, sou. O tempo que te passa é seu. Mas sinto. Para sua infelicidade - ou não - sinto, imagino, como Cartola sentiu, a tristeza de estar só... E, agora, a alegria de estar junto... Também. Sinto.

0 comentário(s)

Isabella Mariano

Blog com conteúdo autoral da escritora Isabella Mariano.

Conheça meus livros!

Saiba mais clicando aqui.