the call

01:27

ei, deixa eu te dizer. se eu não escrevo mais poemas de amor, não é porque não amo, é porque não quero. e se eu não te digo mais que te quero, é porque já deu. fica assim não, achando que tô procurando sarna pra me coçar. eu tô feliz demais gastando meu tempo em me despreocupar. nessas em que o tempo parece não passar e quando vê, já foi. e aí você pensa que é desleixo meu, bobeira minha, molecagem, sei lá. né[não é] não. só tô me amando um pouco e sendo feliz por me fazer feliz. porque essas coisas de sentimento costumavam me enrolar a língua. mas agora, nem o cérebro faz o esforço. ah, vai. tá tudo tão bom aqui nessa tarde, a gente olhando a praia, aquele clima de ser feliz e tirar foto pra pôr no facebook. esquenta não, escreve comigo essa baboseira e amanhã quem sabe alguém consiga me fazer pensar nisso. mas nesse momento tô bem demais pra ter que carregar um mala sem alça. obrigada.

1 comentário(s)

  1. Tudo Bem? agradável este blog está muito desenvolvido.........boa:)
    Gostei muito faz mais posts deste modo !!

    ResponderExcluir

Mezzo jornalista, mezzo poeta. Minha vida é um (des)equilíbrio entre Beyoncé, Big Brother Brasil, Damien Rice, Maria Rita, feminismo, Leminski, Alan Moore e George Orwell. Isabella Mariano, 25 anos, Vitória, Espírito Santo.