Ô vida

13:04

A vida, às vezes, é muito má. Ou boa, esperta, irônica... Mas uma coisa eu digo, a vida tem vida própria (haha) Quem diria? Ela é que arma tudo e a gente culpa o destino, pobre do destino. Ele é uma força dependente de nós. Só faz o trabalho dele. [...]

Outro dia eu continuo.
A vida e o destino andam tramando contra mim (ou a favor), mas tá vindo coisa nova.

0 comentário(s)

Mezzo jornalista, mezzo poeta. Minha vida é um (des)equilíbrio entre Beyoncé, Big Brother Brasil, Damien Rice, Maria Rita, feminismo, Leminski, Alan Moore e George Orwell. Isabella Mariano, 25 anos, Vitória, Espírito Santo.